Notícias
“Mérito Empresarial 2021” reúne mais de 600 pessoas no Palácio das Artes
06/12/2021
“Mérito Empresarial 2021” reúne mais de 600 pessoas no Palácio das Artes

Em clima de otimismo e esperança em dias melhores para o setor produtivo, empresários de Minas Gerais se reuniram, na noite de terça-feira, 30, para celebrarem a superação dos inúmeros desafios do último ano. Nesta edição, o tradicional “Mérito Empresarial 2021”, promovido pela Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Minas Gerais (Federaminas), homenageou 55 empreendedores escolhidos pelas associações comerciais de todas as regiões do Estado e mais 10 homenageados especiais. O evento foi prestigiado por mais de 600 pessoas, entre empresários e autoridades que se revezaram no palco do Grande Teatro do Palácio das Artes para darem seu recado de esperança na retomada econômica.

O presidente da Federa-minas, Valmir Rodrigues, fez questão de agradecer toda a diretoria da entidade pela parceria e apoio durante os dois anos de gestão tão desafiadores em meio a uma pandemia e uma crise econômica sem precedentes. Segundo ele, o associativismo mostrou que a retomada é possível. “Hoje, é como se fosse a final do Big Brother e, vocês, empresárias e empresários que chegaram até aqui, superando tantas dificuldades, merecem todas as homenagens”, disse Rodrigues.

Na opinião do presidente da Conferência das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), George Pinheiro, quem sustenta o país são os empresários, quem sustenta o Brasil é Minas Gerais. Ele ressaltou o apoio incondicional que a Federaminas garantiu aos empreendedores nesse período tão difícil que foi a pandemia.

Durante a solenidade, foram exibidos vídeos com mensagens do governador Romeu Zema e do cantor mineiro da banda J Quest, Rogério Flau-sino, um dos homenageados especiais. Ambos não puderam comparecer, mas fizeram questão de marcar presença.

O governador parabenizou a Federaminas, na pessoa do seu presidente, pela promoção desse evento que premia e valoriza todos que contribuem de forma importantíssima para o desenvolvimento da economia de Minas, gerando emprego e renda. Zema destacou o programa “Minas Livre para Crescer”, que vem contribuindo na retomada dos negócios com a desburocratização.

“Esse momento chama os mineiros com muita coragem a darem a volta por cima. Parabéns a todos vocês, por enfrentarem esse momento tão complicado”, disse o cantor Rogério Flausino.

A retomada dos negócios foi celebrada pelo presidente da Usiminas, Sérgio Leite de Andrade, um dos homenageados especiais. Ele destacou as recentes conquistas e avanços da empresa e reiterou os compromissos com o meio ambiente, o desenvolvimento social e econômico de Minas. “Em 2021, tivemos o melhor ano da Usiminas no século XXI”, afirmou.

Essa projeção otimista também foi destacada pelo secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, outro homenageado especial da noite. Ele lembrou o trabalho que a Federaminas tem feito em parceria com o Governo de Minas ao longo de todo esse período, sempre em busca de soluções para os problemas que afligem os empreendedores. “Conseguimos atrair para o Estado R$ 160 bilhões de investimentos por meio da melhoria do ambiente de negócios, com a desburocratização, a revogação de quase 460 normas, a emissão de mais de 700 alvarás e a adesão de 150 municípios mineiros ao programa “Minas Livre para Crescer”. Quando assumimos a pasta, estabelecemos uma meta ousada de atrair, em quatro anos, R$ 150 milhões de investimentos para Minas. Em três anos, já superamos a meta”, comemorou Passalio.

O presidente da Acissp, Ailton Rocha de Sillos falou da satisfação em ter sido reconhecido e homenageado neste evento. “Fui distinguido pela FEDERAMINAS como ‘Referência no Associativismo’ do nosso estado, mérito que me encheu de orgulho e com a satisfação do dever cumprido nos vinte e oito anos que permaneci dirigindo a nossa Associação Comercial”, comentou. Ele disse ainda que este é o resultado de um trabalho realizado em equipe. “Cumpre-me primeiramente agradecer a Deus e aos meus familiares pelo apoio incondicional e aos meus diretores e funcionários por todos os acertos e dificuldades que juntos passamos. Não fosse também pelo meu profundo desejo de servir voluntariamente à minha querida terra, eu certamente não teria chegado lá”, completa.

O deputado estadual Antônio Carlos Arantes participou da solenidade a convite do presidente da Federaminas Valmir Rodrigues. “Foi um evento muito bem organizado que reuniu empresários de todo o estado”, definiu. Além de Ailton Sillos, de Paraíso também foi homenageada a empresa Laticínios Aviação, na oportunidade também representada por Sillos. “São pessoas que conheço muito bem e são extremamente competentes, exercem grande liderança e merecem esta homenagem. Em nome deles, cumprimento a todos os agraciados”, complementou o parlamentar.

Para a presidente do Diário do Comércio, a homenagem é um grande reconhecimento. “Receber uma homenagem especial da Federaminas é motivo de muito orgulho e gratidão. O nosso jornal tem um papel importante no contexto histórico do desenvolvimento de Minas e agora estamos sendo reconhecidos pelo Movimento Minas 2032, que tem como objetivo articular a sociedade para construção de uma visão de futuro, tendo como premissa os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), instituídos pela ONU”, disse Adriana Muls.

Dentro da categoria “homenageados especiais” estavam personalidades como o ex-ministro da Agricultura e indicado ao Prêmio Nobel da Paz 2021, Alysson Paolinelli; o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio; o vocalista da banda J. Quest, Rogério Flausi-no; o presidente da Usiminas, Sérgio Leite de Andrade; o empresário e prefeito de Diamanti-na, Juscelino Brasiliano Roque; o fundador da JR Diesel e embaixador do movimento “Abrace a força de Minas”, Geraldo Rufino; o presidente do Grupo Anchieta, José Maria Fernandes; a presidente honorária da Associação Brasileira de Direito Tributário (Abradt), Misabel Abreu Machado Derzi; o engenheiro Ailton Sillos, por seu legado no associativismo mineiro; e a presidente do Diário do Comércio e do “Movimento Minas 2032 – pela transformação global”, Adriana Muls..